https://revistas.ucr.ac.cr/index.php/pemPensar en Movimiento: Revista de Ciencias del Ejercicio y la Salud ISSN Impreso: 1409-0724 ISSN electrónico: 1659-4436

Comentarios del lector/a

Viajando o mundo falando inglês

por tammy ticiana (2017-05-16)


Porém, estudar a partir de um livro levará você até parte do caminho. Você precisa entrar em contato com idioma real na forma em que ele é falado por seus falantes nativos para que você possa pronunciar melhor Inglês. Você precisa criar um estilo de vida a partir do Inglês , ouvindo músicas, assistindo televisão e lendo em Inglês todos os dias. A popularidade da cultura pop Inglês significa que você não precisa ir muito longe para encontrar recursos em inglês que possam ser incorporados na sua vida cotidiana.

Em 2013 a empresa em que trabalhava recebeu 3 convites para participar do Chrome Dev Summit na Google em Mountain View e decidiu que eu seria um dos felizardos que participaria do evento. E mais, teríamos uma reunião com alguns funcionários da empresa para discutir sobre algumas incompatibilidade entre nosso produto e Chrome.

Esse foi impulso que eu estava precisando para começar a estudar de novo. Mas desta vez não queria algo engessado, então contratei uma professora particular e comecei a estudar bastante por conta própria. E mais, após a viagem havia decidido que não só aprenderia inglês, mas que faria possível para morar um tempo na américa. At Eurocentres we believe that everyone should have access to high-quality English tuition and that financial considerations should not be an obstacle to you realising your potential. Therefore our easyEnglish program has been created, which offers you not only excellent course quality at an affordable price, but also enables you to select additional services according to your needs.

Se quero memorizar uma grande quantidade de informações, a primeira coisa que tenho que fazer é ler rápido. Só que não é suficiente: se você é capaz de ler rápido, mas não entende tudo, não temos nada. Também é preciso desenvolver a capacidade de processamento mental. Logo, você lê e entende muito rapidamente, mas descobre que poucos segundos depois já não se lembra de nada. Você também tem que treinar a memória de ingles do jerry longo prazo, que vai fazer com que essa informação já memorizada possa durar muito tempo em nosso subconsciente sob nosso controle.

Digamos que isso, unido à capacidade de concentração e autoconfiança, faz com que se chegue a resultados que se manifestem também na vida diária. Depois de línguas latinas e germânicas, eu quis aprender algo novo. Russo parecia exótico para mim: incrivelmente rica, elegante e intrigantemente complexa. Pensar em russo era equivalente a resolver um enigma matemático a cada frase.

Minha mente se confundia em como os nativos russos lidavam com a língua deles diariamente. Eu não tinha ninguém para me ajudar e após 8 meses eu comecei a pensar que talvez tivesse sido um erro aprender russo. Eu mal tinha feito progresso. Nem fiz muito por longos 3 anos, e então postei um vídeo no YouTube falando russo. A repercussão me surpreendeu. Nem nos meus sonhos mais loucos eu imaginei que tantas pessoas deixariam comentários tão entusiasmados. Russos pensam que a sua língua é difícil e inacessível, então quando eles ouvem alguém proferindo um par de frases, eles explodem de alegria. Depois, eu comecei a falar russo regularmente e, lentamente, comecei a desvendar com confiança meu caminho através do labirinto da gramática russa.



A dica número 5 é para todos que já se sentem capazes de aprender uma terceira língua ou mais. Uma vez que você saiba uma segunda língua bem suficiente para ler, escrever e falar, aproveite para aprender a próxima. É como um treinamento duplo: você vai aprender a terceira língua, enquanto consolida e aperfeiçoa a segunda. Digamos que depois de aprender inglês, você queira aprender francês. Seu objetivo não é aprender francês”, mas sim to learn french”. Quando você estuda desta forma, seu conhecimento não parte de um ponto único já fixo (sua língua materna), mas se estende ao longo de uma cadeia, onde cada nova conexão reforça a última.





© 2017 Universidad de Costa Rica. Para ver más detalles sobre la distribución de los artículos en este sitio visite el aviso legal. Este sitio es desarrollado por UCRIndex y Open Journal Systems. ¿Desea cosechar nuestros metadatos? dirección OAI-PMH: https://revistas.ucr.ac.cr/index.php/index/oai