Resumen

O presente ensaio pretende analisar de que forma se construíram o sentimento nacionalista na literatura do Brasil e de Angola, países que foram colônias de Portugal e que obtiveram sua independência em diferentes momentos e situações da História. Para tanto, enfocaremos os períodos literários do Brasil em que são evidentes essa tentativa de dissociação do colonizador e as obras angolanas mais importantes no sentido de reconstrução da identidade da nação luso-africana.
Palabras clave: identidad, nacionalismo, literatura brasileña, literatura de Angola, identidade, literatura do Brasil